Entenda porque exercícios são a chave para equilibrar seu corpo e sua mente

Entenda porque exercícios são a chave para equilibrar seu corpo e sua mente

Feche os seus seus olhos por um momento e lembre-se de quando você era criança. Lembre de como gostava de correr, brincar de pegar, andar de bicicleta, jogar bola e de toda a sua habilidade quando subia em árvores. 

Nessa época, você até podia ganhar um joelho ralado de vez em quando, mas não havia dor nas costas, nem de cabeça e muito menos estresse. Além disso, ao anoitecer, a ordem era chegar cansado ao seu quarto e dormir como uma pedra.

Por que isso não acontece mais? Foi o trabalho? As responsabilidades? Na verdade, não só isso. Você parou de fazer exercício. Parou de correr, pular e se movimentar com a intensidade que fazia na sua infância. Essas atividades impactam positivamente o seu corpo e também a sua mente.

Isso é normal, já que agora que você precisa distribuir seu tempo entre seu trabalho, sua família, estudos e tarefas domésticas. Nesse cenário, é natural ficar mais difícil manter o mesmo nível de atividades físicas de antigamente. Porém, essa inatividade é algo que você precisa rever.

De acordo com a​ Organização Mundial da Saúde​ (OMS), pelo menos 20% dos adultos no mundo são considerados sedentários. Essa situação é ​responsável por US$ ​54 bilhões em assistência médica a doenças ligadas a falta de exercício físico​. 57% desse valor impacta diretamente o setor público.

A boa notícia é que deixar a inatividade física de lado e melhorar a saúde não é uma tarefa impossível. Conforme a OMS, são necessários apenas 150 minutos semanais de atividade física moderada para ser considerado ativo. Isso equivale a 30 minutos diários de segunda a sexta-feira ou 20 minutos diariamente. Se optar por modalidades um pouco mais intensas como corrida ou natação, esse tempo pode ser ainda menor.

Caso você ainda não esteja convencido, trouxemos uma lista de benefícios que você pode ganhar, mesmo que tenha tempo apenas para um pouco de exercício rápido. Confira! 

Melhorar a saúde e prevenir doenças 

A falta de atividades físicas é uma das maiores causas de problemas de saúde evitáveis. Essa condição muitas vezes está relacionada ao desenvolvimento de doenças cardíacas, AVC, diabetes e alguns tipos de câncer, principalmente quando associada a obesidade. Exercícios melhoram o funcionamento do coração e outros órgãos, reduzem o colesterol ruim, e ajudam o sistema imunológico a proteger o organismo.

Porém, além desses benefícios para o funcionamento do corpo, há ainda vantagens como proteger o cérebro. De acordo com um estudo da ​Universidade Federal do Rio de Janeiro​, um hormônio produzido pelos músculos quando praticamos exercícios chamado irisina garante mais segurança a nossa mente e ajuda a prevenir o Alzheimer.

Assim, pessoas que mantém rotinas de treinos como corrida, natação ou caminhada tem menos chance de desenvolver a doença. Além disso, a pesquisa também indica que esse hábito pode inclusive ajudar na recuperação da memória de pacientes que já sofrem com o Alzheimer.

Ganhar disposição e condicionamento físico

Quantas vezes você chegou a algum prédio sem elevador e ficou cansado só de encarar as escadas que precisaria subir até o seu destino? Ou mesmo carregar algumas compras por alguns metros até sua casa já deixou sua respiração mais difícil?

No nosso corpo, os músculos precisam do oxigênio que é absorvido pelo pulmão na respiração. O sangue leva esse oxigênio para o restante do corpo através do bombeamento feito pelo coração. Tudo está interligado em um sistema e por isso precisamos garantir que ele esteja funcionando como deve.

Com a prática de exercícios físicos, nossos órgãos funcionam melhor e nossos músculos ficam mais fortes. Isso traz benefícios para o nosso condicionamento físico, o que melhora nossa respiração e resistência até para as atividades cotidianas. Além disso, um organismo que funciona bem diminui inclusive a sensação de cansaço que sentimos pela manhã.

Aliviar o estresse e dormir melhor

Durante os treinos, o nosso cérebro produz hormônios que causam sensações de bem-estar. Quando terminamos uma caminhada, corrida ou o passeio de bicicleta esse prazer tende a ser maior e o sentimento de dever cumprido melhora muito o nosso humor.

Assim, ​a prática de exercícios diminui o nosso estresse cotidiano, o que nos deixa mais tranquilos​ e também melhora o nosso sono. Por isso, uma caminhada depois do expediente ou mesmo voltar do trabalho de bicicleta vez ou outra pode ser a resposta que você precisa para ficar mais calmo e menos ansioso com as responsabilidades cotidianas.

Melhora a concentração e raciocínio

Além de uma melhora no desempenho físico do seu corpo para atividades cotidianas, os exercícios físicos também ajudam no trabalho do seu cérebro. De acordo com um estudo liderado pela ​pesquisadora Wendy Suzuki​, da Universidade de Nova York, ​uma única sessão de treino já é capaz de melhorar a nossa capacidade de foco e concentração por cerca de duas horas

Com a prática regular, esses benefícios tornam-se mais permanentes. Por isso, essas atividades beneficiam muito quem precisa de atenção no dia a dia, podendo inclusive gerar um melhor desempenho no trabalho. A pesquisa também aponta que 30 minutos de exercícios aeróbicos, como corrida ou caminhada intensa, realizados três vezes por semana, já são suficientes para garantir efeitos positivos mais duradouros no cérebro.

Emagrecer com saúde

A insatisfação com o próprio corpo, principalmente por conta de sobrepeso, é uma sensação comum para muita gente. Em vários desses casos, esse sentimento leva a buscar dietas excessivamente restritivas ou mesmo longo períodos de jejum sem acompanhamento especializado.

Esses métodos até podem ajudar a emagrecer, mas com certeza também terão impactos negativos na saúde. Para garantir perda de peso segura e saudável, é importante ​equilibrar seu corpo, mente e alimentação. A prática de exercícios físicos é fundamental e pode inclusive ajudar a acelerar os resultados.

Nessas horas, é importante considerar os seus objetivos. Atividades aeróbicas como corrida e natação são ótimas para perda de peso, enquanto exercícios de musculação são recomendados para definição e fortalecimento do corpo. Além disso, é importante ter orientação específica voltada para esse objetivo, através da elaboração de programa de treinos e orientações alimentares elaborados por profissionais especializados.